Coordenadores do MT, DF, AC, BA, RR, e AL Fazem Capacitação Enem

Mesmo em pleno feriado prolongado a organização da aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio não para. Neste sábado (09) foi a vez de 255 coordenadores dos estados de Mato Grosso, Distrito Federal, Acre, Bahia, Roraima e Alagoas receberem um curso presencial de capacitação do Enem 2017.

Assim como os eventos realizados nos últimos finais de semana para coordenadores de outras unidades federativas, o evento de hoje foi organizado pelo Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais – em parceria com o novo consórcio aplicador do exame nacional, composto pela Fundação Cesgranrio, Fundação Getúlio Vargas (FGV) e a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp).

A finalidade deste tipo de treinamento é alinhar e passar a todos os coordenadores municipais, que serão responsáveis por comandar os chefes de sala e aplicadores das provas, todos os procedimentos de logística e especialmente de segurança relacionados a realização do Enem 2017.

Entre os temas abordados estão algumas das principais novidades desta edição do exame, como a aplicação em dois finais de semana pela primeira vez – dois domingos (5 e 12 de novembro), os cadernos de provas e cartões resposta com nome e documento dos candidatos impressos e a opção de atendimento específico que oferece vídeo prova traduzida em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Durante o encontro os coordenadores municipais participantes assistiram a um vídeo de preparação e realizaram exercícios, num total de 8 horas de curso presencial. Vale mencionar que a capacitação não encerra por aí, uma vez que ainda é necessário concluir mais 20h de treinamento online até as provas do Enem.

Haverá ainda mais duas reuniões para alinhamento com coordenadores de outros estados, nos próximos dois sábados, 16 e 23 de setembro, respectivamente. Ao todo o Enem 2017 contará com 1.783 aplicadores municipais de 1.724 cidades, além de 6.731.203 candidatos em todo o país.

As informações são do Portal do Inep. Confira a matéria completa aqui.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *