Alterações na forma de correção da redação do Enem

O Ministério da Educação (MEC) anunciou na última quinta-feira (24), um dia antes de publicar o edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012, alterações nos critérios de correção das redações do exame. Esta medida do MEC já era esperada, uma vez que a redação do Enem 2011 causou muita polêmica e resultou em várias ações na justiça pedindo revisão da nota.

A redação do Enem 2012 valerá 1.000 pontos e cada texto será lido por dois corretores que atribuirão duas notas. A nota final do candidato corresponderá a média aritmética das notas dos corretores. A correção das redações será feita de acordo com a avaliação de cinco  competências, sendo que cada uma delas vale 200 pontos. Caso as notas atribuídas pelos dois corretores tenham uma diferença superior a 200 pontos, um terceiro corretor lerá a redação. A terceira correção também será aplicada se houver diferença superior a 80 pontos em pelo menos uma das cinco competências avaliadas.

Se a discrepância nas notas permanecer mesmo após a terceira avaliação, será convocada uma banca formada por três professores que fará a correção presencial. No Enem de 2011, a diferença entre as notas finais dos corretores podia ser maior, chegando a até 300 pontos, e havia dois corretores.

O MEC informou que o manual do aluno do Enem 2012 trará exemplos de redações consideradas de excelência e o detalhamento da metodologia de correção, esclarecendo o que os avaliadores esperam que o estudante desenvolva em cada competência. Esse material estará disponível a partir de julho no portal do MEC.

Assim como nos anos anteriores, o Edital do Enem 2012 não permite que os alunos recorram da nota obtida. Por isso é utilizada a metodologia do terceiro corretor em caso de discrepância. Entretanto, conforme acordado com a Justiça após o Enem 2011, neste ano os estudantes poderão ter acesso à redação corrigida.

Fonte: Agência Brasil

 

Veja também:

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *