UFP (Portugal) Adere Enem Para Ingresso de Brasileiros

Na última semana a Universidade Fernando Pessoa (UFP), instituição privada de ensino superior de Portugal, anunciou adesão ao Enem – Exame Nacional do Ensino Médio – como critério para ingresso de estudantes brasileiros.

Sediada na cidade do Porto, um dos principais municípios portugueses juntamente com a capital Lisboa, a UFP foi fundada em 1996 e oferece cursos de graduação nas áreas das Ciências Humanas e Sociais, Ciências da Saúde e ainda em Ciência e Tecnologia.

Para confirmar o uso das notas do Enem, o secretaria de graduação da universidade firmou acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão responsável pela organização e aplicação do exame nacional.

Vale mencionar, conforme esclarecido em nota oficial publicada pela assessoria de comunicação social do Inep divulgando a notícia, que a forma exata que a UFP usará o desempenho no exame para classificação dos brasileiros fica 100% a seu critério:

As IES portuguesas que usam os resultados do Enem têm liberdade para definir qual a nota de corte e os processos financeiros e acadêmicos para o acesso dos estudantes brasileiros aos cursos ofertados. O acordo favorece, principalmente, a comunicação entre as IES e o Inep para conferência dos resultados dos participantes que pretendem utilizar as notas do Enem na obtenção de uma vaga.

Informações relevantes a respeito do modelo de processo seletivo com uso do exame, prazos e períodos para inscrições no vestibular, além de mensalidades, formas de pagamento e condições para concessão de bolsas de estudos, poderão ser consultados diretamente no site da UFP na internet, por meio do endereço eletrônico www.ufp.pt.

Já São 29 Universidades Portuguesas Que Usam o Enem

De acordo com dados do Inep, a parceria com a Universidade Fernando Pessoa resulta no 29º acordo interinstitucional para uso do Enem, sendo o segundo só em 2018 com a Universidade Católica Portuguesa (UCP), ampliando ainda mais as opções de acesso ao ensino superior internacional por meio do exame.

A lista completa com cada uma dessas instituições que assinaram convênio interinstitucional desde 2014, juntamente com a data de firmação da união, podem ser consultada nesta página no portal do Inep.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *