Remediar, Ansiar, Odiar – Como Conjugar Esses Verbos?

Retomando o mote da semana passada, vamos ainda falar sobre verbos, desta vez os terminados em -iar. Como foi mencionado no artigo anterior (veja aqui), um verbo é considerado irregular quando apresenta mais do que um radical ou quando não recebe a desinência ‘padrão’ de uma determinada pessoa. 

No caso dos verbos terminados em -ear, que pertencem à primeira conjugação, ocorre um padrão específico de irregularidade: todos recebem a vogal i depois do e nas formas rizotônicas (aquelas que apresentam a sílaba tônica no radical). Resumindo: os verbos terminados em -ear apresentam uma letra intrusa, aparece um I após a vogal -e-.

Mas, e os verbos terminados em -iar? Teriam eles alguma particularidade? Sim, eles têm uma característica que precisa de atenção. Vejamos o que ocorre na canção “Mistérios”, de Jorge e Mateus:

Não há disfarce nesse seu olhar
Que incendeia
O meu coração (…)

(https://www.vagalume.com.br/jorge-e-mateus/misterios.html)

Vejam só! O verbo é incendiar, mas apareceu um E!

Então acontece o oposto dos verbos explicados anteriormente? Sim e não! Tanto existem verbos terminados em -iar que são regulares, como existem aqueles com a mesma terminação, mas que são irregulares. Observemos a conjugação do copiar:

Presente do Indicativo
eu copio
tu copias
ele copia
nós copiamos
vós copiais
eles copiam

Dessa mesma maneira será conjugada a maioria dos verbos com a mesma terminação, como premiar, maquiar, enviar, por exemplo, sem acréscimo de letra alguma.

Agora vejamos o verbo incendiar, presente na música:

Presente do indicativo
eu incendeio
tu incendeias
ele incendeia
nós incendiamos
vós incendiais
eles incendeiam

Presente do subjuntivo
que eu incendeie
que tu incendeies
que ele incendeie
que nós incendiemos
que vós incendieis
que eles incendeiem

Imperativo Afirmativo
incendeia
incendeie
incendiemos
incendiai
incendeiem

Assim como esse, devemos conjugar também outros quatro verbos que podem ser lembrados pelo MÁRIO. Que MÁRIO? Ora, aquele que funciona como fórmula mnemônica1 para gravarmos que

Mediar
Ansiar
Remediar
Incendiar
Odiar
são os verbos que sofrem o acréscimo da letra E nas três pessoas do singular e na terceira do plural do presente do indicativo e do subjuntivo e na segunda pessoa do singular do imperativo afirmativo (aquelas resultantes do presente do indicativo, sem o -s, sem esquecer que o imperativo negativo é idêntico ao presente do subjuntivo).

Então, para não esquecer mais: os verbos terminados em -ear recebem o acréscimo do I em algumas pessoas e os verbos mediar, ansiar, remediar, incendiar, terminados em -iar, recebem o acréscimo do E.

Até a próxima semana!

1  São frases ou expressões que ajudam a memorizar informações, como esta, para lembrar a tabela periódica: Coluna 1A (Metais alcalinos): Li Na “K”ama Robinson Crusoé Francês

 


Margarida Moraes, colunista de gramática do Portal infoEnem, é formada em Letras pela Universidade de São Paulo (USP). Com mais de 20 anos de experiência e corretora do nosso Curso de Redação Online (CLIQUE AQUI para saber mais e participar do curso!), a professora também é responsável pela resolução das apostila de Linguagens e Códigos do infoEnem. Seus textos são publicados todos os domingos. Não perca!

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *