Participe da Consulta Pública Sobre Mudanças no Enem

Se você vai prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2017) já pode participar da consulta pública sobre mudanças nas prova que serão aplicadas neste ano. A pesquisa foi disponibilizada nesta quarta-feira (18) pelo Ministério da Educação (MEC), juntamente com o resultado do Enem 2016, e pode ser respondida por qualquer cidadão.

O prazo para participação da população permanecerá aberto até a data limite de 10 de fevereiro, unicamente pela internet, por meio deste formulário online. Ao acessar a página indicada e preencher os campos com dados pessoais, o participante deverá responder a quatro pautas colocadas na consulta:

  1. Se o Enem deve manter o formato atual de dois dias de prova ou deve ser aplicado numa única data (com no máximo 100 questões e a redação, com 5h30 de duração);
  2. No caso da manutenção de dois dias de provas, questiona-se se deve-se manter o modelo corrente de aplicação no sábado e domingo ou se deve-se alterar para dois domingos seguidos ou ainda domingo e segunda-feira (que no caso seria feriado escolar);
  3. A penúltima pergunta não é uma mudança para 2017 mas é extremamente importante: se o Enem deve ser realizado pelo computador em vez de presencialmente;
  4. A quarta e última indagação na verdade consiste num campo de texto de até 300 caracteres para que o candidato dê opiniões e sugestões livres sobre o exame.

Com relação a redução para apenas um dia de provas, a mais drástica das alterações discutidas na consulta, o ministro da Educação, Mendonça Filho, garantiu que não haverá prejuízo do ponto de vista de qualidade da função avaliativa/seletiva do Enem:

É claro que a opção por apenas um dia de provas significaria a redução de custos, como o uso de um volume menor de papel e a contratação de segurança. Mas só ofereceremos essa possibilidade depois de receber estudos técnicos detalhados de especialistas.

Já sobre a aplicação eletrônica, que já era estudada desde a gestão anterior do MEC, é algo para o futuro segundo o ministro. Apesar de ajudar muito no corte de custos, ele ressaltou que apresenta “dificuldades logísticas”, uma vez que nem todas cidades têm acesso a internet ou mesmo computadores.

Mendonça Filho ainda aproveitou para informar que o Edital do Enem 2017, que define regras e calendário do exame, será divulgado na sequência do encerramento da consulta, ainda no mês de fevereiro.

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




3 Comentários

Emanoela

” Seria interessante se o aluno pudesse usar a nota das versões anteriores do Enem no SISU”
Por exemplo dos últimos 2 anos em que o mesmo realizou o exame, isso valeria se o mesmo tivesse realizado o Enem no ano,
Exemplo: O aluno fez o exame porém a sua nota não foi satisfatória, e nos dois últimos anos a sua nota foi maior do que a nota atual, poderia ter a opção em que o aluno pudesse escolher a nota referente as duas últimas provas para concorrer”

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *