Mais Três Instituições de Portugal Assumem Enem Para Ingresso de Brasileiros

Nesta quinta-feira (16) mais duas instituições portuguesas de ensino superior aderiram ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como critério de ingresso de estudantes brasileiros: o Instituto Universitário de Ciências da Saúde, a Escola Superior de Saúde do Vale do Ave e a Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa.

Com o anúncio, agora aumenta para 21 a quantidade de universidades e institutos de Portugal que assumiram o Enem para entrada de brasileiros. A pioneira a aderir ao exame foi a tradicional Universidade de Coimbra (UC), em 2014 (veja).

Uma das responsáveis pela parceira, Maria Inês Fini, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), firmou o acordo na data de ontem com Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (Cespu), mantenedora dessas três instituições, que fazem parte da região do Porto.

Maria Inês inclusive afirmou que fez questão de repassar a todas as instituições estrangeiras que usam o Enem as mudanças que ocorrerão a partir deste ano: “É uma atitude de deferência a todas essas instituições que reconhecem nosso exame”.

A Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Educação (MEC) informou em nota que o contrato com a Cespu entra em vigor imediatamente e que o resultado do Enem 2016 já poderá ser usado para ingresso em tais instituições. Será aproveitada apenas a nota da prova de ciências da natureza, que será somada a média das notas do ensino médio do concorrente.

Para conferir a lista completa de instituições portuguesas que possuem acordo de cooperação com o MEC e Inep para uso do Enem, clique aqui.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *