História Geral – Revisão Sobre a Revolução Cubana

No início da década de 1950, Cuba era um país capitalista fortemente influenciado política e economicamente pelos Estados Unidos, mesmo que já independente. Os empresários norte-americanos eram donos da maior parte das indústrias da ilha e o país ainda tinha o direito de intervir nela devido à Emenda Platt. Entretanto, enquanto os EUA lucravam com Cuba, a maior parte da população local vivia na pobreza e não apoiava a política ditatorial do governante, Fulgêncio Batista.

A Revolução começou quando um pequeno grupo de guerrilheiros, sob a liderança de Fidel Castro, Ernesto Che Guevara e Camilo Cienfuegos, começaram a lutar contra as forças do Estado a fim de derrubar Fulgêncio e acabar com o domínio dos norte-americanos. Mesmo com muitas mortes, em 1959 o grupo conseguiu alcançar o poder de Cuba.

Fidel Castro tomou uma série de medidas para melhorar as condições de vida da população e desenvolver a economia do país, já que os Estados Unidos romperam as ligações diplomáticas com a ilha devido ao apoio soviético ao novo governo. Algumas dessas medidas foram a nacionalização das indústrias e dos bancos, além da reforma agrária.

Os americanos, descontentes, planejaram um golpe e tentaram iniciar uma guerra civil na ilha, na chamada Invasão à Baía dos Porcos, porém não obtiveram sucesso. Após esse episódio, Fidel Castro decidiu se aliar à União Soviética e instaurar o regime socialista no país. Os Estados Unidos criaram então a Aliança para o Progresso, um programa de auxílio econômico aos países latino-americanos para que eles não tivessem a mesma atitude de Cuba.

Em 1962, a União Soviética decidiu construir na ilha uma instalação que abrigasse seus mísseis, o que representava uma forte ameaça aos norte-americanos, uma vez que naquele período ocorria a Guerra Fria. Esse episódio ficou conhecido como Crise dos Mísseis.

O regime socialista, com o apoio econômico soviético, gerou melhorias na qualidade de vida da população cubana, com avanços na saúde e educação, porém isso mudou com o fim da União Soviética, em 1990.

Em 2008, devido a problemas de saúde, Fidel Castro deixou o poder. Raul Castro, seu irmão, assumiu o governo e Barack Obama venceu as eleições nos Estados Unidos. Nos últimos anos, os países começaram a se reaproximar, o que foi formalmente anunciado em dezembro de 2014.

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




2 Comentários

Cristiani pereira

Não recebi até hoje o Manuel do enem 2016

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *