Escolas Literárias Luso-Brasileiras – Arcadismo

Vamos abordar mais uma escola literária para ajudar nos estudos de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias no ENEM. Neste artigo, estudaremos o Arcadismo, também conhecido por Neoclassicismo, presenciado no século XVIII (anos de 1701 a 1800) e a última escola literária do período colonial brasileiro.

O Arcadismo é um movimento que se contrapõe ao Barroco, pois busca um certo equilíbrio, uma vida mais amena e mais simples. O contexto histórico brasileiro é o seguinte:

  1. Ouro Preto (MG), então chamada de Vila Rica, é o centro cultural e econômico da época.
  2. Ciclo de Mineração (ouro).
  3. Inconfidência Mineira.
  4. Ideais do iluminismo francês.

As características principais do Arcadismo, que podemos perceber claramente nas obras escritas, são:

  • Busca da simplicidade
  • Idealização da natureza (bucolismo)
  • Imitação dos clássicos
  • Personagens mitológicos
  • Visão da cidade como sofrimento (fugere urbem)
  • Aproveitar a vida a cada dia (carpe diem)

Portanto, os árcades buscavam a racionalidade diante da vida, porém com simplicidade, apresentando como cenário pastores e ovelhas num mundo campestre.

Os principais autores desse movimento na poesia lírica são: Tomás Antonio Gonzaga, cujo pseudônimo é Dirceu, com sua mais famosa obra “Marília de Dirceu” que exalta seu amor por Maria Dorotéia Joaquina, pela qual era apaixonado; e Cláudio Manuel da Costa que publicou sonetos. Na poesia épica vale lembrar de Basílio da Gama (O Uruguai) e Santa Rita Durão (Caramuru).

Diante do panorama social da época, a luta pela independência do Brasil, o qual foi um movimento intelectual e burguês, muitos escritores usavam pseudônimos para assinar suas obras literárias para não serem identificados e muitos deles foram assassinados pela Corte Portuguesa ou expulsos da Colônia, inclusive o líder Joaquim José da Silva Xavier, O Tiradentes.

Nos fins do século VXIII se encerra o Período Árcade e uma nova escola literária vai surgindo com a ascensão da classe social burguesa: O Romantismo, que veremos no próximo artigo da série de Literatura. Continue acompanhando e bons estudos!