Enem 2020 Deve Ter Novo Formato, Diz Ministro da Educação

Durante Congresso Internacional de Jornalismo de Educação, realizado nesta segunda-feira (06) em São Paulo, o Ministro da Educação Rossieli Soares da Silva declarou que o Enem 2020 – Exame Nacional do Ensino Médio – deve ter novo formato:

O Enem não deve ser o norte do ensino médio. É um exame de entrada (para a universidade). Vai se adaptar à base.

Conforme suas palavras, o maior exame do Brasil deve seguir as alterações propostas para o ensino médio por meio da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que norteará o mínimo currículo para esta respectiva fase escolar.

O assunto foi tratado de maneira superficial pelo Ministro, que não deu maiores detalhes do que o Ministério da Educação (MEC) pode propor de novidades para o Enem conjuntamente com o Inep – Instituto Nacional ed Estudos e Pesquisas Educacionais, órgão responsável pela avaliação.

Conforme as diretrizes da proposta mais recente da base, cujo documento redigido pelo MEC foi entregue ao Conselho Nacional de Educação (CNE) em abril deste ano, as áreas de linguagens e matemática serão as únicas obrigatórias durante todos os anos do ensino médio, sendo que outras áreas serão oferecidas ao longo desse período conforme conforme critérios das próprias instituições de ensino.

Isso sugere que talvez o Enem possa acompanhar essa tendência, sendo fragmentado e eventualmente permitindo que os candidatos prestem provas apenas das áreas obrigatórias ou de seu interesse.

Vale lembrar no entanto, que a proposta para a BNCC ainda está em discussão, constando inclusive como pauta de diversos debates por meio de audiências públicas por todo país.

Portanto, por hora qualquer afirmação sobre mudanças do Enem não passa de mera especulação. As alterações serão conhecidas de fato quando o MEC e Inep divulgarem oficialmente as novidades da próxima edição do exame nacional, o que deve ocorrer apenas na liberação do Edital do Enem 2020.

Modelo de Prova Atual Traz 180 Questões + Redação em Quatro Áreas

Enquanto as possíveis mudanças do Enem não chegam, o atual de modelo de prova é mantido (confira aqui). O mesmo traz uma redação e 180 questões objetivas com 5 alternativas cada, sendo que apenas uma é correta. Estes itens se dividem em quatro grandes áreas do conhecimento, conforme descrito a seguir:

  • Ciências Humanas (45)
  • Linguagens e Códigos (45)
  • Ciências da Natureza (45)
  • Matemática (45)

Conforme Edital de 2018, esta edição já trouxe uma pequena alteração na aplicação, mas que pode fazer toda a diferença para os candidatos: no segundo dia de aplicação (Ciências da Natureza e Matemática), haverá 30 minutos a mais para responder as questões do que em anos anteriores, portanto a duração será de 5h. No primeiro domingo os participantes terão 5h30min para resolver itens de Ciências Humanas e Linguagens e Códigos, além de escrever a Redação.

As provas do Enem 2018 acontecem em 4 e 11 de novembro.

Fonte: G1

Compartilhar
25 Temas

Receba GRATUITAMENTE um ebook com os possíveis temas da redação do Enem 2018




Sim Não
* Um produto Descomplica




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *