Diferentes Tipos de Reações Orgânicas

Vamos estudar em nossa postagem de hoje sobre os diferentes tipos de reações orgânicas, um conceito de química cada vez mais recorrentes nas provas do Enem. Para isso, vamos explicar sobre os seus diferentes tipos, explorando também exemplos de nosso dia a dia e também ilustrando a importância estas reações.

Já estudamos em uma série de artigos sobre os diferentes compostos orgânicos (como os hidrocarbonetos, aminas e amidas, álcoois, éteres e ésteres, e muito mais!). Desta maneira, vimos a importância destes compostos orgânicos, que estão presentes em diversos produtos que utilizamos muito em nosso cotidiano, como o plástico e o isopor. Sendo assim, é necessária a obtenção de métodos diferentes para produzi-los, e é isso que estudaremos a seguir.

Uma vez que existe uma grande quantidade de compostos orgânicos, que podem ser agrupados de diferentes maneiras, é esperado que existam diversas reações orgânicas para moldá-los. Entretanto, é possível classificar as reações de formação dos compostos orgânicos em três diferentes grupos, que são as reações de adição, reações de substituição e reações de eliminação. Vamos observá-las a seguir.

Reações orgânicas de adição

As reações orgânicas de adição são as reações onde ocorre inicialmente o rompimento das ligações do tipo pi entre os carbonos das moléculas, para que seja possível a união de pelo menos uma molécula, que levará a formação de um produto que apresenta ligações químicas do tipo sigma. As reações de adição mais encontradas em nosso cotidiano são:

  • Hidrogenação: as reações de hidrogenação são aquelas em que uma molécula de gás hidrogênio (H2) é adicionada a uma molécula orgânica. Um composto muito comum que utiliza este tipo de reação é a margarina, que provém da hidrogenação de óleos vegetais.
  • Halogenação: na halogenação, são adicionados halogênios (Br2, Cl2, I2 e F2) às moléculas orgânicas.
  • Hidratação: uma molécula de água (H2O) é adicionada às moléculas orgânicas.
  • Hidro-halogenação: é quando são adicionados haletos de hidrogênio (HBr, HI, HCl, HF) à molécula orgânica.

Reações de substituição

As reações orgânicas de substituição são aquelas em que pelo menos um átomo de hidrogênio ligado ao carbono é substituído por um átomo ou também por um grupo de átomos. As principais reações de substituição são:

  • Halogenação: são as reações onde o átomo de hidrogênio da molécula é substituído por halogênios (Br2, Cl2, I2 e F2).
  • Nitração: ocorre quando pelo menos um átomo de hidrogênio é substituído pelo grupo NO2.
  • Sulfonação: quando pelo menos um átomo de hidrogênio é substituído pelo grupo SO3H
  • Alquilação e acilação: ocorre com a substituição do hidrogênio pelos grupos alquila e alcila, respectivamente.

Reações de eliminação

As reações orgânicas de eliminação são as reações que transformam um único composto em dois diferentes, sendo um inorgânico e outro orgânico. Os principais tipos de reações de eliminação são:

  • Desidratação intramolecular: são as reações onde a molécula elimina água.
  • Desidratação intermolecular: quando duas moléculas diferentes interagem e se unem, através da eliminação simultânea de água.

Desta maneira, exploramos os principais tipos de reações orgânicas. Essas reações são importantes para a seção de química no Enem, e a cada ano as questões envolvendo química orgânica ganham maior destaque. Portanto, aproveite!

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Comentários

Diferentes Tipos de Reações Orgânicas • infoEnem | infoEnem | Pesquisas de Química

[…] Fonte: Diferentes Tipos de Reações Orgânicas • infoEnem | infoEnem […]

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *