Conheça os Três Diferentes Setores da Economia

Quando falamos na economia, seja de um país, um estado ou até mesmo um município, estamos considerando uma infinidade de trabalhos e serviços para a comunidade. Para avaliar a qualidade destes serviços, se fez necessária a divisão em subcategorias, as quais foram agrupados em três diferentes setores: o setor primário, o secundário e o terciário. Vamos estudar agora sobre cada um destes setores, explicando a sua importância para a economia de um país.

Setor primário

O setor primário de uma economia é classificado como as atividades humanas que produzem matéria prima, que não passam por nenhum processo de industrialização. Os produtos produzidos neste setor, podem ser consumidos diretamente ou ainda passar por processos de beneficiamento, assim como acontecem com os minérios, por exemplo. A extração do minério é considerada uma atividade do setor primário, enquanto a sua transformação e produção dos metais é classificada como atividade do setor secundário.

O setor primário recebe esse nome pois foram as primeiras atividades econômicas (ou de subsistência) desenvolvidas pelo ser humano. Entre as diversas atividades desenvolvidas pelo setor primário da economia, destacamos: a agricultura, muito importante e influente na economia brasileira; a pecuária, que assim como o produto anterior, é muito importante para a nossa economia e; o extrativismo, tanto vegetal como mineral, atividades também muito presentes no Brasil.

É possível observar que em países desenvolvidos, o setor primário assume uma menor parcela da economia da nação, enquanto em países em desenvolvimento ou subdesenvolvidos a parcela ocupada pelas atividades do setor primário é maior. A seguir temos uma imagem da pecuária, atividade muito importante do setor primário:

Setor Secundário

O setor secundário da economia é entendido como o setor responsável pela transformação dos produtos do setor primário (agricultura, extrativismo, pecuária) em bens de consumo, ou equipamentos que possam ser utilizados por estes setores. O setor secundário é um setor muito abrangente, pois envolve desde as grandes indústrias, tais como siderúrgicas e metalúrgicas (as chamadas indústrias de base), até as pequenas indústrias, tais como os artesanatos.

O setor secundário possui uma forte responsabilidade social, uma vez que gera uma quantidade significativa de empregos, tanto nas indústrias de fato como em outros setores, além de ser o setor responsável pela produção da maioria dos produtos que utilizamos no dia a dia. A seguir, temos uma imagem da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), a maior siderúrgica do Brasil e da América Latina, uma das grandes responsáveis pelo setor secundário da nossa economia.

Setor terciário

Após produzirmos e beneficiarmos os produtos, é necessário vendê-los! E é essa a função do setor terciário da economia. Além do comércio, se enquadram no setor terciário os serviços, que são bens intangíveis. Os serviços são aquelas atividades que não oferecem um produto diretamente, tais como os advogados e professores.

Em diversos países, o setor terciário ocupa grande parcela da economia, podendo chegar a até 70% da economia de um país. Isso se deve a grande atividade do comércio presente, assim como a grande gama de serviços que podem ser oferecidos para a população! A seguir está indicado um dos comércios que frequentamos diversas vezes ao mês, o supermercado.

Assim, explicamos sobre a importância e classificação dos três setores da economia. A distribuição entre os setores varia de país para país, e até mesmo de época para época, uma vez que a economia é muito volátil. Portanto, devemos entender estes setores para poder classificar as economias dos países!

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *