Conheça os Carboidratos e Saiba Suas Classificações

Nos últimos artigos, estudamos as substâncias inorgânicas que fazem parte da composição do nosso organismo, como a água e os sais minerais. Agora, vamos às orgânicas, começando pelos carboidratos, conhecidos também como glicídios, hidratos de carbono ou açúcares.

Constituídos basicamente por carbono, hidrogênio e oxigênio, em alguns casos excepcionais podem conter outros elementos, como por exemplo o nitrogênio na molécula de quitina. Possuem importante função energética, mas também apresentam função estrutural e podem ser divididos em três grupos. Veja cada um deles.

Monossacarídeos

Representam os carboidratos mais simples, com fórmula geral (CH2O)n e são classificados de acordo com o número de átomos de carbono na molécula. Quando há três átomos(C3H6O3), são denominadas trioses, quando há quatro(C4H8O4) são tetroses, cinco (C5H10O5), pentoses, seis (C6H12O6), hexoses e sete(C7H14O7), heptoses. Dentre estas, podemos destacar duas pentoses importantes, a ribose e a desoxirribose, presentes no DNA e RNA, e três hexoses importantes no fornecimento de energia: a glicose, a frutose e a galactose.

Dissacarídeos

São resultado da união de dois monossacarídeos, por meio de uma ligação glicosídica em uma reação que libera uma molécula de água. Para ser absorvido, um dissacarídeo deve ser quebrado em uma reação de hidrólise, a qual consome uma molécula de água. Solúveis em água, os principais dissacarídeos são a sacarose, resultado da união da glicose com a frutose; a lactose, união da glicose com a galactose e a maltose, união de duas glicoses.

Polissacarídeos

Caracterizam-se pela união de vários monossacarídeos, gerando grandes cadeias. Ao contrário dos dissacarídeos, esses são insolúveis em água, o que possibilita que tenham função estrutural e no armazenamento de energia. Além disso, podem conter outros elementos, como nitrogênio e enxofre, em sua molécula. Com função no armazenamento de energia, destacam-se o amido nas plantas e algas e o glicogênio nos animais e fungos. Já com função estrutural, destacam-se a celulose nas plantas e a quitina nos animais e fungos.

Vimos que os carboidratos possuem importante função no fornecimento de energia para o funcionamento do nosso organismo. Portanto, é de extrema importância o consumo dos alimentos ricos nessa substância, como pão, batata, arroz, milho e cereais.

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *