Como Imprimir o Boleto da Taxa de Inscrição do Enem 2016?

Os estudantes que se inscreverem no Enem deste ano e não fazem parte do grupo que recebe o benefício da isenção automática (concluintes do ensino médio em escolas públicas) e nem podem declarar carência (saiba mais), deverão quitar a taxa de participação no exame, no valor de R$ 68.

Para isso, é necessário gerar e imprimir o boleto referente ao Guia de Recolhimento da União (GRU), para o pagamento do valor que confirma a inscrição dos não isentos no Enem 2016. Veja a seguir o procedimento para gerar o arquivo.

  1. Acesse o Portal do Inep (inep.gov.br) e escolha a opção referente ao Enem;
  2. Se este for seu primeiro acesso, vá em “Inscrição 2016” e siga as orientações deste artigo para se inscrever. Se já estiver inscrito, entre na “Página do participante” e logue com seus dados. Caso tenha esquecido a senha, veja como recuperá-la aqui;
  3. Na tela que abrir, o sistema exibirá algumas orientações e, logo abaixo, a imagem do boleto. Basta clicar/tocar no botão “Imprimir GRU” que o arquivo para impressão será aberto.

gru_imprimir

Com o boleto em mãos, basta quitá-lo até a data limite de 25 de maio. Vale esclarecer que, segundo o Edital, nesta edição o pagamento poderá ser realizado em qualquer agência da rede bancária (Banco do Brasil, Caixa Econômica, Santander, Bradesco, Itaú etc.), do Correio ou ainda em casas lotéricas.

Depois de efetuado o pagamento, o banco pode levar alguns dias para compensar o valor do GRU. Além disso, o sistema do Enem normalmente demora algum tempo para confirmar de fato sua inscrição.

Portanto, não se desespere caso se depare com uma mensagem no acompanhamento da inscrição com a seguinte frase: Inscrição não confirmada: Pagamento não efetuado. Na edição de 2015 ocorreu o mesmo mas, depois de uma ou duas semanas, o Inep efetivou todas as inscrições.