Características Gerais dos Metais Pesados

Vamos estudar hoje sobre conceitos de química para o Enem. Mais especificamente, vamos falar sobre os metais pesados, um grupo importante dos elementos da tabela periódica. Vamos explicar quais são estes elementos, além de apresentar suas características gerais e algumas particularidades. Também serão ilustrados os riscos dos principais metais pesados utilizados.

Genericamente, vamos primeiro comentar sobre os metais. Os metais são elementos da tabela periódica que se encontram no estado sólido a temperatura ambiente (exceto o mercúrio, que é líquido sob condições ambientes), e apresentam as seguintes características: brilho e dureza elevados, boa condutividade térmica e elétrica, elevados pontos de fusão e ebulição e cores que oscilam entre o prateado e o dourado.

Principais características

Dentro deste grupo muito grande que é o grupo dos metais, o objetivo de hoje é falar sobre os metais pesados. Quimicamente, os metais pesados são definidos como os elementos com massa específica superior a 4 g/cm³, que estão localizados entre o cobre e o chumbo na tabela periódica. Portanto, os metais pesados mais comuns são: antimônio, arsênio, cádmio, cromo, cobre, chumbo, mercúrio, níquel, selênio, telúrio, tálio, estanho, sódio, potássio, cálcio, zinco e magnésio. Veja a seguir um minério de cádmio, utilizado principalmente no setor metalúrgico:

Entre as características dos metais pesados, vamos destacar a sua alta reatividade, o que faz com que esses elementos interajam fortemente ao entrarem em contato com outros elementos, ou até mesmo com os seres humanos. Outra propriedade importante destes elementos é a bioacumulação.

A bioacumulação, associada a reatividade destes compostos faz com que estes elementos estejam presentes nas mais variadas reações químicas, porém não sejam metabolizáveis. Desta maneira, os organismos vivos não podem degradar os metais pesados, o que faz com que estes elementos permaneçam e se acumulem ao longo da cadeia alimentar.

 Localização e contato com o meio ambiente

Não existe uma relação destes materiais com a sua localização. Deste modo, podem ser encontrados nas mais diversas localidades, seja na água, no solo ou ainda na forma de minérios.

Além de serem elementos extremamente reativos, uma grande parcela dos metais pesados é tóxica. E a contaminação do meio ambiente por esses metais é impulsionada pelo despejo irregular destes elementos através de indústrias, que acabam lançando estes metais em meio a outros resíduos, o que pode contaminar solo, água e também as pessoas próximas a esses rejeitos. Dentre os principais contaminantes, vamos citar:

  • Mercúrio: Despejado principalmente na água em atividades de exploração do ouro. Pode ser absorvido pelo corpo e se depositar em diversas regiões do organismo, como rins, cérebro, aparelho digestivo e reprodutivo.
  • Chumbo: Metal contaminante muito utilizado em indústrias de tinta e também em meio a solda. Esse elemento prejudica principalmente os sistemas nervosos central e periférico, sendo um dos metais pesados mais perigosos.
  • Cromo: Metal utilizado amplamente no meio metalúrgico, como elemento de liga que aumenta a dureza dos compostos. Quando em níveis elevados, o cromo pode ocasionar o desenvolvimento de células cancerígenas.
  • Arsênio: Metal utilizado como conservante de madeira e couro, além da utilização no meio metalúrgico. Extremamente reativo, quando em contato com a pele causa lesões não cicatrizáveis, e pode ocasionar câncer, principalmente o de pele.

Portanto, apresentamos as características e riscos principais dos metais pesados que encontramos usualmente. De maneira geral, se os procedimentos de segurança forem devidamente cumpridos, estes elementos não apresentarão riscos aos seres humanos. Assim, destacamos a importância do descarte correto dos elementos, e também a fiscalização, por meio das entidades responsáveis!

 

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *