Biologia Enem – Revisão Geral Sobre o Reino Plantae

Assim como os animais, as plantas, que caracterizam o Reino Plantae (saiba mais sobre a classificação dos seres vivos), são seres pluricelulares e eucariontes. Entretanto, diferente deles, estes seres vivos são capazes de produzir seu próprio alimento pelo processo denominado fotossíntese, o que lhes confere a denominação de autótrofas ou autotróficas. Existem diversas classificações para os seres deste reino e uma das principais, a qual explicaremos aqui, divide as plantas em briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas.

Briófitas

São aquelas que não possuem flores, sementes nem frutos. Além disso, não têm vasos condutores de seiva e nem raízes, de modo que a absorção de água e nutrientes do solo ocorre por meio de pequenas estruturas denominadas rizoides e passam de célula a célula, o que não permite que este tipo de vegetal apresente grande porte. O principal exemplo de briófita é o musgo, muito comum em áreas úmidas.

Pteridófitas

Possuem vasos condutores, o que possibilita um tamanho maior, além de raiz, caule e folhas desenvolvidos, o que não encontramos nas briófitas. Porém, estas também não possuem flores, sementes nem frutos e vivem em ambientes úmidos. Os principais exemplos são as samambaias, avencas e cavalinhas.

Gimnospermas

São as plantas que também possuem vasos condutores de seiva, caule, raiz, folhas e, ao contrário das anteriores, produzem sementes e apresentam órgão reprodutor visível. Mas ainda semelhante às outras, não produzem flores e nem frutos. São exemplos desse tipo de vegetal os pinheiros, cedros e sequoias.

Angiospermas

Caracterizam-se por serem as mais desenvolvidas dentre as quatro classificações. Apresentam, portanto, raízes, caule, folhas e sementes, como os anteriores, e ainda produzem flores e frutos. Neste caso, as flores são responsáveis pela reprodução do vegetal e os frutos protegem as sementes. As angiospermas podem ainda ser divididas em monocotiledôneas e dicotiledôneas, sendo as primeiras aquelas que apresentam raízes fasciculadas e folhas paralelinérveas, ou seja, possuem nervuras paralelas, que não se ramificam, sementes simples, com um único cotilédone e caule fino, como grama, capim, milho, cana-de-açúcar e palmeiras. Já as dicotiledôneas apresentam raiz axial e folhas reticuladas, portanto com nervuras ramificadas, sementes com dois cotilédones e caules mais grossos, como feijão, ipê, soja, eucalipto, macieira e laranjeira.

Ainda existem outras classificações a respeito do reino Plantae e dos outros reinos dos seres vivos, porém isso fica para um próximo artigo.

Até lá!

Compartilhar
Manual do Sisu e Prouni

Receba GRATUITAMENTE o Manual para Sisu e ProUni




Sim Não




Outros artigos que você vai gostar:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *