infoenem

Dois pontos diametralmente opostos e uma porção de palavras e expressões para indicá-los ou relacioná-los. Às vezes, escreve-se junto, outras vezes separado. Precisamos então de atenção ao sentido exato da palavra ou expressão e um pouquinho de exercício de memória, para não errar a grafia. Vamos observar o que fizeram alguns compositores, ao empregar esses […]

Atendendo ao pedido da leitora Júlia Maria, vamos abordar a questão do emprego do gerúndio. Observemos a tirinha do Grump, que apareceu no vestibular do ITA: – No lugar de reclamação, ação! Comprei um livro com tudo sobre a Reforma Ortográfica. Vou estar lendo diariamente. Vou estar aprendendo cada vez mais. Vou estar me superando […]

Em janeiro, duas importantes cidades brasileiras fazem aniversário. Por ocasião da comemoração do aniversário da cidade de São Paulo, no dia 25 de janeiro, lembrei-me de algumas músicas que a homenageiam e que apresentam alguns adjetivos gentílicos (ou adjetivos pátrios), isto é, adjetivos que indicam origem ou nacionalidade. Vamos observá-las: São Paulo, São Paulo Premê […]

Esta semana alguns alunos me perguntaram a respeito dessa combinação de palavras. Uns achavam que os termos, por serem antônimos, não poderiam ficar juntos. Outros não tinham essa convicção, pelo fato de verem a expressão, com certa frequência, em textos que obedecem à norma culta. Vamos então aos fatos: na verdade não há mesmo nenhum […]

Há alguns anos a Unicamp, em seu vestibular, propôs uma questão que tinha como base uma comunidade da antiga rede social Orkut: A proposição da questão deveu-se ao emprego bastante recorrente, porém inadequado, da palavra ‘mesmo’ como elemento de coesão referencial. A coesão referencial é o mecanismo por meio do qual retomamos uma ideia anteriormente […]

Prezados leitores, hoje eu poderia escrever um texto explicando que o termo ‘natal’ é derivado do adjetivo latino natus,a,um, que significa nascido, dado à luzi e pode ser, segundo o dicionário Houaiss, um “adjetivo de dois gêneros”, cujos sentidos podem ser: “1: relativo a nascimento; natalício; e 2: onde ocorreu o nascimento (de alguém ou de algo); natalício ‹terra n.›”. Ou […]

Férias, verão chegando… muita gente vai para praias da COSTA brasileira, onde pode deitar de COSTAS, para descansar e bronzear-se. Deitar de costas? No plural? Sim! Como diz a música do grupo Rodox: (…) Vou ficar de costas para o mar Pra ver se ele me leva Pra perto de você(…)” ( https://www.vagalume.com.br/rodox/de-costas-para-o-mar.html )   […]

Entre os diversos mecanismos que podemos empregar em um texto dissertativo para reforçar a persuasão está a condição, expressa por estruturas que, na análise sintática, classificamos como orações subordinadas adverbiais condicionais. As mães são especialistas em empregar essas estruturas… Quem nunca ouviu “Você só vai sair SE arrumar seu quarto!” As orações subordinadas adverbiais condicionais, […]

“No momento em que cheguei, pediram-me que apresentasse o trabalho que fiz sobre o escritor que havia falecido no mês que passou.” Que tal lhes parece essa frase? Do ponto de vista de concordância ou regência, de ortografia ou acentuação não há problemas, porém ela apresenta um defeito denominado QUEÍSMO, que vem a ser o […]

Página 1 de 8