Filosofia no Enem

A cada ano, as questões do Enem estão mais conteudistas, exigindo do candidato conhecimento sobre áreas diversas. Nas duas últimas edições, o caderno de Ciências Humanas e Suas Tecnologias chamou a atenção dos vestibulandos e professores de todo o Brasil ao apresentar muitas questões de sociologia em 2013 e filosofia em 2014. Isso mostra que o ENEM tem valorizado essas disciplinas que, geralmente, no Ensino Médio, têm cargas horárias menores.

Tudo indica que disciplinas como Filosofia, Sociologia e História da Arte estarão bastante presentes também nas próximas edições do Enem e, pensando nisso, o Portal InfoEnem tratá explicações e diversas dicas sobre isso. Para iniciar, vamos apresentar as principais correntes filosóficas!

Pré-Socrática

Como o próprio nome indica, a corrente Pré-Socrática representa a concepção de mundo que se tinha antes de Sócrates, na Grécia Antiga por volta do século VI a.C.. O principal objeto de estudo dos pensadores dessa época eram a natureza, isto é, o universo e os fenômenos cosmológicos. Alguns nomes de destaque são: Tales de Mileto, Anaximandro, Heráclito, Pitágoras, Demócrito e Leucipo.

Clássica

Nos séculos V e IV a.C., o foco da atenção dos filósofos se altera: da natureza para o homem. Os principais nomes dessa corrente filosófica são Sócrates, Platão e Aristóteles. Sócrates busca entender o funcionamento do universo a partir do social, ou seja, da mente e da moral do ser humano. Ao refletir sobre o homem, cresce a preocupação com o seu raciocínio lógico, ganhando destaque estudos sobre retórica e dedução.

Medieval

Durante a Idade Média, a busca da verdade era guiada através de guia divina, com grande influência do teocentrismo. Alguns pensadores que se destacaram nessa época foram Santo Agostinho e São Tomás de Aquino.

Moderna

A partir do século XV, lenta e gradualmente, uma nova forma de conceber o universo entra em cena. Com grande influência da Revolução Científica e da Reforma Religiosa, o antropocentrismo ganha destaque. Nesse contexto, muitos conhecimentos da era Clássica são retomados e servem de base para a construção de novas teorias de pensamento. Os principais nomes dessa época são: René Descartes, Francis Bacon, Thomas Hobbes, John Locke.
Mais próximo do século XVIII, o Iluminismo, corrente que valoriza a razão e a busca do conhecimento através da ciência, vai influenciar novos pensamentos e teorias, com destaque para Kant, Hegel, Montesquieu e Rousseau.

Contemporânea

A partir do século XIX, várias correntes filosóficas agiram simultaneamente. As maiores influências desse período foram o materialismo histórico de Karl Marx e a antropologia. Os nomes de maior destaque são: Michel Foucalt, Friedrich Nietzsche e Jean-Paul Sartre.

Agora que já apresentamos as principais correntes de pensamento, sugerimos um aprofundamento do conhecimento através do estudo dos principais filósofos e de suas obras. Fique ligado que continuaremos apresentando importantes teorias e dicas de estudo!

Compartilhar

Comentários

maria nathalya costa souza

Adoro este site me ajuda muito nos estudos

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *